Segunda-feira, 16 de Janeiro de 2017

FESTA EM HONRA DE SANTO AMARO

 

 

No passado Domingo dia 15/01/201,o Rancho Folclórico de Santa Luzia de Airães, marcou a sua presença habitual na festa em Homenagem ao SANTO AMARO, uma festa  religiosa  com grande tradição nas gentes de Airães. 

Segundo a lenda, a sua vida, tal como o seu nome, estaria cheia de amargura, tal como seria de esperar para todo aquele que segue o estreito caminho do Senhor, na doutrina cristã. Rico e de boa família, o santo dedicava-se a cuidar dos pobres, das viúvas e sobretudo dos peregrinos que passavam pela sua terra de Alia.

 

 

 

Festejado a 15 de Janeiro, Santo Amaro – também chamado de Mauro – nasceu em Roma no século VI. De origem patrícia, era filho do senador romano Eutichio.
Com apenas doze anos de idade sai de Roma para o Monte Cassino, trazido por seus pais que, o entregam aos cuidados de São Bento, fundador da Ordem Beneditina, para que ali termine a sua formação. Verificando-lhe elevadas qualidades, corresponde de tal modo às expectativas do seu mestre, que se torna o seu homem de confiança e em pouco espaço de tempo, vai sendo encarado pelos outros religiosos como um exemplo a seguir. São Bento em reconhecimento dessas virtudes, escolhe-o para trabalhar na escola de jovens, anexa ao mosteiro de Monte Cassino.
São Gregório exaltou-o por se ter distinguido no amor, na oração e no silêncio, e que, a exemplo de São Pedro, foi recompensado pela sua obediência andando sobre as águas. Conta-se que certa vez um colega seu, de nome Plácido, estava a afogar-se longe de todos, no açude de Subiaco. São Bento teve a visão do perigo e pediu a Amaro que fosse salvar o irmão religioso: “Irmão Amaro, vai depressa procurar Plácido, que está prestes a afogar-se”. Obediente, Amaro pediu a São Bento que o abençoasse e, sem hesitar e com a graça de Deus, correu e andou sobre as águas sem se afundar, agarrou Plácido pelos cabelos e trouxe-o para a margem não se apercebendo sequer, Amaro, de ter saído de terra firme. Quando Amaro deu conta do que sucedera atribuiu os méritos ao seu mestre, São Bento. Teve portanto mais fé do que São Pedro que, por duvidar, se afundou nas águas do mar de Tiberíades.
Reconhecido o valor de Amaro, que cumpria tão bem o ideal da Ordem (dos beneditinos), o Patriarca dos monges incumbiu-o de importante missão: difundir na Gália (França) a Regra de São Bento, o que ele executou nos primeiros vinte anos do século VII.
Com alguma naturalidade, foi sendo encarado como o herdeiro espiritual de São Bento e seu eventual sucessor. Segundo uma tradição, foi mesmo Amaro quem ficou a substituir São Bento quando este foi viver para o Monte Cassino. A ele é atribuída a abertura da Ordem beneditina em França e a fundação do mosteiro de Granfeuil (Saint-Maur-sur-Loire).
Suas principais virtudes: casto, humilde, caridoso e obediente à Regra da Ordem. Ainda em vida, Amaro teve fama de santidade. Faleceu em 584.
É invocado na cura de certas doenças; gripe, reumatismo, rouquidão, dor de cabeça e paralisia. É padroeiro dos transportadores.
A sua imagem representa-o com algumas variantes: habitualmente vestido com hábito e capuz tendo um livro na mão (o livro da Regra de São Bento ou, se quisermos, os Estatutos da Ordem) e uma pequena balança (para pesar a comida dos religiosos), balança esta que lhe terá sido entregue por São Bento ao partir para França.
Noutras imagens é representado com báculo abacial, semelhante ao que os Bispos e o Papa ainda hoje usam quando estão a presidir a algum acto religioso.
Ainda por vezes, é representado com uma muleta que alude ao seu patrocínio em favor dos que sofrem de males dos ossos ou de gota.
No seu escudo encontramos gravadas umas flores de liz que recordam que foi ele que introduziu a Ordem beneditina em França.

 

 

publicado por rancho santa luzia de Airães às 10:34
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 12 de Janeiro de 2017

ENCONTRO DE CANTARES DE REIS

 Felgueiras assistiu ao Encontro de Cantadores de Reis no primeiro fim de semana do ano.

Instituições do concelho participaram no encontro de Cantadores de Reis que se realizou nos dias 06 e 07 de janeiro, na Lixa e em Felgueiras. 


Felgueiras viveu duas noites onde a cultura tradicional prevaleceu. Mais de 20 instituições do concelho apresentaram-se nos espetáculos vestidos a rigor e com um reportório musical devidamente ensaiado para desejar um bom ano ao executivo e aos felgueirenses.

Na Casa das Artes de Felgueiras atuaram a Universidade Sénior Autodidata de Felgueiras; Rancho Infantil da Casa do Povo de Jugueiros; Conservatório de Música de Felgueiras; Rancho Folclórico das Pegadinhas do Ribeiral; Rancho Folclórico de S. Martinho de Penacova; Rancho Folclórico de Stº André de Friande; Grupo Folclórico de S. Pedro de Torrados; Associação Juventude Mariana Vicentina; Agrupamento de Escuteiros de Margaride; Rancho Folclórico de Stª Luzia de Airães; Centro Social e Cultural dos Trabalhadores da CMF; SIRGO-Associação Social, Cultural e Defesa do Património de Sendim; Rancho Folclórico de Varziela; RFM – Rancho Folclórico de Margaride – Felgueiras; Associação de Solidariedade Social Bairro João Paulo II; Rancho Infantil e Juvenil da Casa do Povo da Longra.

publicado por rancho santa luzia de Airães às 17:07
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

.Membro efetivo da Federação de Folclore Português

.rancho.santa.luzia@sapo.pt

rancho.santa.luzia@sapo.pt

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.contador

contador de acessos
>

.posts recentes

. Desfolhada tradicional

. XXXII Festival Internacio...

. Marchas de Airães 2017

. XXXII Festival Internacio...

. FESTAS DE SÃO PEDRO 2017

. FESTIVAL EM ESPINHO

. Feira de Maio

. Dia Internacional dos mon...

. FESTA EM HONRA DE SANTO A...

. ENCONTRO DE CANTARES DE R...

.Tempo:

.condução sem telemóvel

.pesquisar

 

.arquivos

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Janeiro 2014

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Maio 2013

blogs SAPO
RSS